Ir para conteúdo

CRIAÇÃO DO FUNDO FRATERNO DO GOB-PR É APROVADA PELA PAEL

A PAEL (Poderosa Assembleia Estadual Legislativa) do GOB-PR aprovou, no último dia 25/07, em sessão realizada virtualmente, o projeto do Poder Executivo que cria o Fundo Fraterno, um instrumento institucional eficiente para a realização de beneficência pelas Fraternidades Femininas das Lojas. 

A proposta foi aprovada pela maioria dos Veneráveis Irmãos Deputados, com poucas alterações em relação à redação original e aditamento feito pelo autor, no caso do Poder Executivo. O Fundo Fraterno receberá recursos de Irmãos e Lojas, bem como de pessoas físicas e jurídicas em geral, para promoção de ações solidárias que beneficiem instituições filantrópicas/sociais.

“Penso que poderá ser um novo caminho a trilhar, no que se refere à beneficência no âmbito da Ordem. A pandemia pela qual passamos, desnudou as dificuldades sociais que vivemos, em nosso país e a necessidade de termos ferramentas de auxílio, para que possamos ultrapassar estas situações. A credibilidade de associações como a Maçonaria poderá atrair recursos e capilarizar os mesmos, a quem realmente necessite. Demos o primeiro passo, mas temos muito trabalho pela frente”, destaca o presidente da Mesa Diretora da PAEL, Eminente Irmão Sérgio Luiz de Araújo.

Com a aprovação, deve ser realizada a regulamentação do Fundo Fraterno. O Grão-Mestre do GOB-PR, Eminente Irmão Luís Mário Luchetta, explica que o avanço alcançado com essa aprovação é bastante relevante e fortalece o trabalho filantrópico da Família Maçônica do GOB-PR.

“Pretendemos que o Fundo Fraterno dê força para o trabalho das Fraternidades Femininas, em conexão com o interesse das Lojas e demais entidades paramaçônicas. Teremos condições de sermos ainda mais ativos nas causas da sociedade, motivando e inspirando virtudes”, destaca o Eminente Irmão.

O Grão-Mestre explica ainda que a regulamentação a ser realizada definirá todos os detalhes do Fundo Fraterno, principalmente os que permitirão acesso a recursos. A ideia é que os processos sejam sempre envolvidos em projetos que apresentem viabilidade e impacto social. 

“Com a aprovação da PAEL, passamos para a segunda etapa, que é de regulamentação para que o Fundo Fraterno seja realmente um instrumento eficaz. Estamos com nosso time de empreendedores sociais pensando em conjunto para encontrar as melhores formatações, sempre analisando o interesse maior das Fraternidades Femininas das Lojas”, pontua o Grão-Mestre, Eminente Irmão Luís Mário Luchetta.

Demais decisões da PAEL

Na última sessão, a PAEL também realizou a posse do Venerável Irmão Ademir Dubuc - Deputado  representante da Loja Estrela do Mar N° 1912 - Oriente de Matinhos; aprovou as contas da Assembléia referente ao exercício de 2019; e iniciou a discussão concernente às contas do GOB-PR, relativo ao exercício de 2019, que terá continuidade na próxima sessão.


Grande Oriente do Brasil - Paraná

Rua Pedro Huk 87 - Uberaba

CEP: 81.550-230

Telefone: (41)3365-1900

caracteres restantes